10 motivos para comprar um no-break

A utilização de um nobreak (UPS) é geralmente lembrada quando ocorre uma falta de energia, pois ele mantém os equipamentos ligados devido à energia armazenada em suas baterias. Mas existem outros problemas na rede elétrica que podem afetar diretamente os equipamentos que muitas vezes são desconhecidos pelas pessoas.

Os nobreaks Engetron, além de garantirem o funcionamento de seus equipamentos durante a falta de energia, corrigem as falhas e ruídos da rede elétrica, fornecendo uma forma de onda senoidal pura para os seus equipamentos. Este tipo de forma de onda é a característica fundamental para o funcionamento dos seus equipamentos, definido pelos próprios fabricantes de eletroeletrônicos de maneira geral.

Conheça agora os 10 tipos de falhas que podem ocorrer na rede e que são bons motivos para você ter um nobreak em sua casa ou empresa.

1 – Falta de Energia: é a ausência de energia elétrica na rede comercial e pode ser causada por falhas da concessionária, acidentes, manutenção da rede ou descargas atmosféricas, provocando o desligamento dos equipamentos com perda de informações não salvas.

2 – Subtensão: é a tensão da rede elétrica abaixo da grandeza ideal especificada, que pode ser causada pelo excesso de cargas ligadas à instalação elétrica e pode provocar o desligamento dos equipamentos, com perdas de informações não salvas.

3 – Sobretensão: é a tensão da rede elétrica acima da grandeza ideal especificada, que pode ser causada por falhas da concessionária ou desligamento abrupto de cargas de uma rede vizinha, e isso pode provocar a queima de fontes de alimentação.

4 – Picos de Tensão: são surtos de alta tensão na rede elétrica, que podem ser causados por descargas atmosféricas e podem causar queima de fontes de alimentação e periféricos, como impressoras, scanners e computadores.

5 – Ruídos da Linha: são sinais elétricos indesejados presentes na rede elétrica, que podem ser causados por cargas com baixo fator de potência ligadas a mesma rede, como motores elétricos industriais, inversores que alimentam elevadores, falha das redes de distribuição, etc. Podem causar o travamento de equipamentos que estavam funcionando e, consequentemente, pará-los

6 – Subfrequência: quando a frequência da rede elétrica fica abaixo do especificado (no Brasil, 60Hz), causado por falhas da concessionária e provocando o aquecimento excessivo dos equipamentos ou desligamento de determinados equipamentos. Isso pode afetar diretamente a vida útil dos eletrônicos.

7 – Sobrefrequência: quando a frequência da rede elétrica está acima do especificado (no Brasil, 60Hz), causado por falhas da concessionária e provocando o aquecimento excessivo dos equipamentos, desligamento de determinados equipamentos ou reduzir o desempenho. Isso pode afetar diretamente a vida útil dos eletrônicos danificando-os.

8 – Oscilações: são variações de continuas na tensão da rede elétrica, que podem ser causados pelo ligamento e desligamento contínuo de cargas de alta potência, como por exemplo aparelhos de ar condicionado e podem provocar o travamento dos equipamentos eletrônicos e danos no hardware.

9 – Transientes de Chaveamento: são ruídos de curta duração na rede elétrica, que podem ser causados pelo ligamento e desligamento contínuo de equipamentos de grande consumo de energia. Esse distúrbio pode diminuir a vida útil de fontes de alimentação, travar o funcionamento dos equipamentos eletrônicos e pode causar eventuais danos no hardware.

10 – Distorção Harmônica: são mudanças na forma de onda da rede elétrica comercial, Interferindo e destruindo essa senoide que na forma ideal deve ser senoidal pura. São causados por falhas na concessionária ou uso de grupos geradores substituindo a rede comercial. Essas mudanças podem causar o travamento do sistema, danos no hardware e perda de informações.

Para evitar qualquer um desses distúrbios na energia, adquira um nobreak Volt da Engetron em nossa Loja Virtual ou entre em contato com nossa Central de Atendimento para tirar mais dúvidas e saber qual o melhor nobreak para você.

Este post foi originalmente publicado no blog da Engetron Energia Garantida.

Deixe uma resposta